Perguntas Frequentes

É um programa que trabalha em prol do desenvolvimento da educação, através da concessão de bolsas de estudo para as pessoas que estão fora do cenário educacional.

Fortalecer o setor educacional do país, sendo uma importante alternativa para os pais e estudantes que não têm condições de pagar a mensalidade integral de um curso superior, colégio ou escola técnica.

Todas as pessoas com interesse de cursar uma graduação, pós-graduação ou entrar em um colégio particular ou escola técnica, mas que têm dificuldade de pagar a mensalidade integral.

O primeiro passo é preencher a ficha de inscrição através do site. As informações concedidas pelos candidatos no cadastro serão enviadas para a comissão avaliadora. Os aprovados serão contatados e instruídos sobre o benefício e a formalização do mesmo.

>O aluno beneficiado vai pagar uma taxa de adesão ao Educa Mais Brasil no ato da matrícula e a cada semestre irá pagar uma taxa de renovação, conforme consta no contrato.

A bolsa de estudo do Educa Mais Brasil é de 50% para cursos de graduação e pós-graduação presenciais. Para cursos à distância (EAD) o valor da bolsa varia entre 30% e 45%

As vagas são ocupadas por candidatos que atendam dois principais requisitos: não poder pagar 100% o valor da mensalidade e não estar estudando há pelo menos seis meses (no caso da graduação).

Não. Ao concluir o curso, o aluno não terá mais obrigações financeiras.

O programa de Bolsas de Estudo do Educa Mais Brasil atua no setor educacional há 10 anos e já beneficiou mais de 200 mil estudantes em todo país.

Não. No entanto, se o candidato quiser alterar algum dado da ficha de inscrição (curso, instituição de ensino, etc.) basta acessar o Portal do Aluno ou, se preferir, pode realizar uma nova inscrição.

O trancamento ou desistência do curso implica no cancelamento da bolsa. Nesses casos o aluno deve entrar em contato com a Central de Atendimento para consultar a possibilidade de reativação da bolsa.

Através da nossa Central de Atendimento 0800 724 7202 ou 0800 724 7775.

INSCREVA-SE »
  • 200 mil alunos aprovados;
  • 120 mil vagas de bolsas de estudo para graduação, pós-graduação, ensino básico e cursos técnicos;
  • 4.700 instituições parceiras;
  • Não há pagamento após a conclusão do curso.